Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Cliente Perfeito

Uma perspectiva diferente do mundo encantado do atendimento ao público!

O Cliente Perfeito

Uma perspectiva diferente do mundo encantado do atendimento ao público!

Essa coisa chamada educação

De todas as situações que já passei em loja, esta que vos vou contar foi a que mais me incomodou até hoje e a qual relembro muitas vezes na minha cabeça para ter a certeza que nunca na minha vida irei desrespeitar uma pessoa como naquela noite aquela cliente fez comigo. Para começar é preciso que tenham em mente que os clientes adoram duas coisas: a primeira é mexer em tudo o que nós lojistas tocamos, ir atrás de nós enquanto arrumamos e desarrumar por cima, por mim tudo bem, na hora do fecho é que custa mais e a outra coisa é que existem muitos clientes que acham que por a tua profissão ser lojista, automaticamente não te deram educação e muito menos tens estudos, e algum nível académico é que nem pensar.

Certa noite na loja, quase na hora do fecho, eu estava a arrumar um lado da loja e a minha colega outro. Sei que às tantas oiço a minha colega meio que numa discussão com uma cliente e vejo a minha gerente a ir resolver o problema, mais tarde soube que enquanto a minha colega arrumava a cliente ia por cima dela a desarrumar e que a minha colega murmurou algo entre dentes que a cliente ouviu e não gostou. Eram mãe e filha e passado poucos minutos já eram braços no ar, ameaças de porrada e todo o nível de peixeirada que possam imaginar. Toda a razão que podia ter tido, esta pessoa perdeu-a em 2 minutos. No momento em que se dirigiram à caixa, eu vou atendê-las, elas que até aqui ainda não me tinham visto. E a mãe diz-me prontamente "Tu para estares aí desse lado do balcão é porque não tens educação, muito menos estudos. Vocês trabalham em loja, estão aqui para nos satisfazer e ponto final. Pessoazinhas sem estudos, é sorrir e acabou". 

Até hoje estás palavras mágicas ecoam na minha cabeça e angustia-me que existam pessoas no mundo que pensem desta maneira tão pequenina e tão medíocre. Esta pessoa não me conhece, não conhece a minha família, não sabe qual o motivo para eu estar ali na loja (e com todo o orgulho). Não conhece nenhuma das minhas colegas. E mesmo assim, não pensou duas vezes antes de tirar conclusões. Eu nunca respondo a faltas de respeito de clientes, esta é a minha forma de me defender, para o mim o desprezo nestes momentos é sempre a melhor arma. Elas saíram pela porta e nunca mais voltaram, eu ganhei uma lição para a vida.

26 comentários

Comentar post

Pág. 1/2