Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Cliente Perfeito

Uma perspectiva diferente do mundo encantado do atendimento ao público!

O Cliente Perfeito

Uma perspectiva diferente do mundo encantado do atendimento ao público!

Os chefes

Porque é importante variar, achei que era boa ideia dar-vos a minha perspetiva sobre os vários tipos de chefes com que me tenho deparado ao longo da minha curta vida profissional. E como diz o povo, por trás de um grande homem está sempre uma grande mulher, no caso das lojas é parecido. Por trás de uma grande equipa está, normalmente, um excelente líder e vice-versa. A verdade é que a forma como cada um de nós atende um cliente, está diretamente relacionada com a nossa personalidade e profissionalismo, mas também, é influenciada pela formação dada pela empresa e ainda mais importante, por quem dá essa formação.

Não fazendo distinção entre homem e mulher, porque existe diferenças, que vou deixar para outra altura, é importante relembra-nos a forma como um chefe é normalmente escolhido hoje em dia, no caso do atendimento ao público. O método varia de empresa para empresa, numas a antiguidade é o facto fundamental, noutras o futuro chefe é escolhido com base na sua capacidade de venda, noutras a escolha recaí sobre a capacidade dessa pessoa em lidar com outras pessoas, por outras palavras a sua capacidade de liderança, noutras é escolhido por entrevista com base no seu currículo e na sua experiência profissional e noutras, ainda, não sabemos bem mas perguntamo-nos todos os dias como é que aquela personagem é chefe de alguma coisa.

Deixa-vos, então, com a lista dos chefes que fui reunindo na minha cabeça ao longo do tempo.

 

Divirtam-se:

 

1) O Buddy - Este chefe recebe-te bem, diz para o tratares por tu e diz que nesta equipa todos se tratam por tu, são todos amigos e tão ali para se apoiarem mutuamente. WRONG. Normalmente há sempre conflitos nas equipas e chefes assim, nunca te ajudam realmente quando tens um problema sério. Porque não gostam de confrontos e por vezes são precisos.

 

2) O Matemático - Assim que és aceite naquele trabalho, esta pessoa começa logo atirar números para o ar e nomes técnicos, que tu não fazes puto de ideia do que seja. Todos os dias te mói a cabeça com o objetivo do dia, não perde uma oportunidade para dizer: ESTAMOS A 20%, PRECISAMOS DE ESTAR A 30%! 

 

3) O Trabalhador - Este chefe nunca se cala: hoje já fiz isto, aquilo e o outro, estou farto de trabalhar! Regra da vida, quem muito fala pouco faz, isto é tudo pressão psicológica, verdade, verdadinha não fez nada.

 

 4) O Picuinhas - Não deixa passar nenhuma falha, vai ver ser as pilhas de roupa estão todas arrumadinhas alinhadamente e dobradas no mesmo tamanho. Está sempre a verificar se a equipa está na posição estratégica que ele lá pensou que era a ideal na sua cabeça. Basicamente é o mesmo que estar na tropa.

 

5) O Bipolar -  Tudo o que esta pessoa diz, não se escreve. Num dia diz que o céu é azul, no outro acorda e diz que o céu afinal quase parece verde. O meu conselho: não levem a peito e continuem o vosso trabalho, um dia podem acordar com os sacras alinhados e concordarem.

 

6) O Ideal - Isto é caso improvável, mas existe. É aquela pessoa que sabe ser dura quando é necessário, ter o pulso firme e ao mesmo tempo reconhecer as qualidades dos seus colaboradores. Que dá incentivos positivos e negativos, sem medos. Existem pessoas que nascem com este dom, outras que vão aperfeiçoando ao longo da vida, mas é difícil, eu sei.

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.